CENIBRA – BIODIVERSIDADE – CUSTOM AD#3
Tempo de Leitura: 1 min

O prefeito de Fabriciano, Marcos Vinicius, anunciou nesta segunda-feira a decretação do estado de Situação de Emergência em virtude das fortes chuvas que caem no Vale do Aço. O objetivo é ampliar as ações em andamento e garantir assistência integral à população, sobretudo, das famílias que moram em áreas mais afetadas. Entre sexta-feira e domingo, choveu mais de 200 mm na cidade, segundo dados dos institutos de meteorologia. A previsão é de chuvas para os próximos três dias.

A principal preocupação é com o nível do Rio Piracicaba e do Córrego Caladão, que continuam a subir, com novos alagamentos em diversos pontos da cidade. Conforme balanço da Defesa Civil, o Piracicaba atingiu 8,98 metros e a cota de inundação é de 6,20 metros. No momento, 89 famílias estão desalojadas e recebem atendimento integral da Prefeitura.

Até o momento, os bairros mais atingidos foram Manoel Domingos, Dom Helvécio (Prainha) e Mangueiras, Manoel Maia, Frederico Ozanan, Judith Bhering e Floresta. Nestes locais, a Prefeitura, inclusive, tem dado o apoio na retirada preventiva de famílias em áreas de maior risco. Foram poucas ocorrências de deslizamentos e quedas de árvores e em pontos isolados da cidade.

Marcos Vinicius fez pediu às pessoas que residem às margens do rio e do ribeirão que procurem abrigo seguro. “Não esperem o nível subir ainda mais. Neste momento é preciso preservar a vida, que é o maior bem que temos e depois contabilizar os danos materiais. Infelizmente, a situação é ainda mais grave do que a de 2020 porque as cabeceiras do Piracicaba foram muito afetadas”, disse.

Por causa das chuvas, a programação de aniversário de 73 anos de Coronel Fabriciano, que iniciaria nesse final de semana, foi cancelada em solidariedade às famílias afetadas pelas chuvas.

 

Artigo anteriorImagens mostram inundação no Cachoeira do Vale
Próximo artigoCruzeiro: Ronaldo faz Live Exclusiva com Sócios Torcedores