Tempo de Leitura: 2 min

Hospital Libertas: o mais novo empreendimento hospitalar da Fundação São Francisco Xavier que chega a BH com aporte de R$ 280 milhões e ampliação de sua operadora de saúde 

Braço social da Usiminas, a Fundação São Francisco Xavier, entidade beneficente da siderúrgica que atua há mais de 52 anos nas áreas da saúde e educação, prepara sua chegada à capital mineira com um ambicioso plano de atuação no atendimento médico-hospitalar. O aporte é de R$ 280 milhões para o Hospital Libertas, na região da Pampulha e na consolidação da operadora de planos de saúde Usisaúde. O novo hospital irá gerar em torno de dois mil empregos entre diretos e indiretos. O projeto do empreendimento está a todo vapor no icônico prédio onde funcionava a sede da Usiminas e tem previsão de inauguração para março de 2022.

Para o presidente da Fundação São Francisco Xavier, Salvador Prado Junior, o objetivo é levar toda a experiência e know-how da Instituição para a população de Belo Horizonte e Região Metropolitana. “Estamos vivenciando um momento em que todas as atenções estão voltadas para a saúde, que é o nosso bem maior. É com muita satisfação que anunciamos o nosso projeto de instalação do novo hospital, que recebeu o nome Libertas, e de consolidação do nosso plano de saúde – Usisaúde. Com certeza, são iniciativas importantes para contribuir para uma assistência à saúde de qualidade e humanizada, que são o nosso foco principal”.

Experiência

Muito conhecida dos mineiros do leste do Estado, a Fundação São Francisco Xavier administra atualmente cinco hospitais, sendo quatro em Minas Gerais e um no estado de São Paulo. Dos hospitais em Minas, dois em Ipatinga (Hospital Márcio Cunha Unidades I e 2), um em Itabira (Hospital Municipal Carlos Chagas) e um em Timóteo (Hospital e Maternidade Vital Brazil). Em São Paulo, o hospital em Cubatão (Hospital de Cubatão).

“Somos referência em todas as regiões onde atuamos., ressalta Salvador. Na cidade de Ipatinga, por exemplo, o Hospital Márcio Cunha (HMC) de alta complexidade tem 548 leitos e atende a uma população de mais de 840 mil habitantes em 35 municípios do leste mineiro. Integra o seleto grupo de hospitais que possui a certificação internacional da Det Norske Veritas International Accreditation Standard (DIAS/NIAHO), patamar alcançado por apenas seis instituições brasileiras. Em 2019, tornou-se o primeiro Hospital do Brasil a conquistar o Prêmio HIMSS Elsevier Digital Healthcare Awards, dedicado a validar a excelência no uso de informações e tecnologia para melhorar a qualidade da saúde, o cuidado e a segurança do paciente. Ele é referência no Estado, sendo quarto em número de partos pelo SUS e o quinto em internações. Foi o primeiro hospital do país a obter o nível 3 da Organização Nacional de Acreditação (ONA).

“É essa experiência em cuidar de gente com respeito, carinho e eficiência que queremos também oferecer à população belo-horizontina. A nossa qualidade e competência pode ser constatada nos números, mas vai além deles. Está na simpatia de um enfermeiro, no cuidado de um técnico de enfermagem, na presteza de um recepcionista, na qualidade técnica e humana do corpo médico”, completa o Diretor de Hospitais da Fundação São Francisco Xavier, Dr. Mauro Oscar Soares de Souza Lima.

Hospital Libertas – Fundação São Francisco Xavier

O Hospital Libertas é uma oportunidade para toda a região de BH. “Atualmente temos uma grande concentração de hospitais e clínicas na região central da cidade. Toda a cidade de Belo Horizonte, incluindo vetorição, psicologia, assistência social e de suporte. O hospital irá oferecer inúmeras especialidades médicas à população, além de exames de ponta e alta tecnologia. Também está prevista uma unidade de Pronto-Socorro e atendimento 24 horas de urgência e emergência.

 

 

 

 

 

 

 

Artigo anteriorValadares e mais 80 cidades do Vale do Rio Doce estão integradas oficialmente a SUDENE!
Próximo artigoCongresso promulga mudanças na Lei Eleitoral