CENIBRA – CUSTOM AD3 – HOME
Tempo de Leitura: 1 min

Uma das principais empresas de celulose do Brasil completa nesta segunda-feira, 13 de setembro, 48 anos de fundação. É a Cenibra, que foi constituída em 1973, através de uma parceria entre o Brasil, representado pela Cia. Vale do Rio Doce e pela nipônica JPB (Japan Brazil Paper and Pulp Resources Development), que com o passar do tempo tornou a única acionista. Com sede em Belo Horizonte e fábrica em Belo Oriente, a empresa produz atualmente 1,2 bilhão de toneladas de celulose branqueada de fibra curta de eucalipto. Atualmente, conta com cerca de 8 mil empregados próprios e terceiros.

A Cenibra possui ainda terras em 54 municípios de Minas Gerais e maneja uma área de 254 mil hectares, sendo 52% de plantio de eucalipto; 41% de área de preservação permanente, reserva legal e floresta nativa; e o restante em áreas destinadas para infraestrutura e outros.

Seu produto está presente nos principais mercados mundiais como Ásia (46%), Europa (41%), América do Norte (11%) e mercado interno (2%). Ele é utilizado na fabricação de papéis para fins sanitários, papéis especiais, para imprimir e escrever e papel cartão. Para atender seus clientes, a Cenibra utiliza centros de distribuição e escritórios comerciais e de representação espalhados pela Ásia, Europa e América do Norte

Além da unidade industrial e da área florestal, responsável pelo fornecimento do eucalipto usado no processo produtivo, a Cenibra tem um braço social, que segundo a empresa, promove diversos projetos e ações que priorizam o desenvolvimento integrado dos 54 municípios onde atua. Os projetos contemplam as áreas de educação, meio ambiente, inclusão digital, geração de trabalho e renda, resgate cultural, esporte e cidadania. Além dos projetos realizados, o instituto apoia iniciativas da sociedade civil organizada.

“Completamos 48 anos com a confiança renovada e a certeza de dias melhores. Mas pelas circunstâncias que estamos vivenciando, não poderemos realizar evento comemorativo em 2021, para evitar as aglomerações e, consequentemente, o aumento dos casos de contaminação pelo novo coronavírus”, disse o diretor-presidente, Kazuhiko Kamada, em mensagem aos empregados homenageados.

Artigo anteriorFalta de prova de vida vai acarretar perda de benefício do INSS
Próximo artigoIpatinga lança programa Nota Premiada