Tempo de Leitura: 1 min

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, abriu o jogo sobre a sua sexualidade no programa “Conversa com Bial”. Ele assumiu ser homossexual e é o primeiro presidenciável a admitir publicamente ser gay. “Tenho orgulho dessa integridade”, externou.

Eduardo Leite falou sobre o assunto em uma videoconferência direto de São Paulo, onde discute as prévias da legenda para as eleições à presidência da República.

“Nesse Brasil, com pouca integridade, nesse momento, a gente precisa debater o que se é, para que fique claro e não se tenha nada a esconder. Eu sou gay, e sou um governador gay. Não sou um gay governador, tanto quanto Obama nos Estados Unidos não foi um negro presidente, foi um presidente negro, e tenho orgulho disso”, afirmou o governador mais jovem do Brasil.

Até então, nenhum prefeito, governador ou presidenciável havia se assumido homossexual no País.

“Saio com meu namorado para jantar fora, não escondo isso de ninguém. Mas sempre ficava algum burburinho, algum tipo de ilação, a piadinha que o próprio presidente fez, os ataques feitos por outros políticos. Isso não é justo, não é correto, não é tolerável”, disse Eduardo Leite.

Artigo anteriorUrgente: Ministério da Saúde alerta lote de vacinas vencidas (veja se você é um dos que recebeu)
Próximo artigoBolsonaro será investigado por prevaricação no caso da compra da Covaxin