CENIBRA – CUSTOM AD3 – HOME
Tempo de Leitura: 1 min

A Polícia Civil informou, nesta quarta-feira (21), que instaurou um inquérito para apurar as mortes das três vítimas que tiveram os ossos encontrados em Governador Valadares (MG), nessa terça-feira (20). Alguns depoimentos já foram colhidos. Segundo a polícia, as ossadas foram levadas para o Posto Médico Legal da cidade para passar por exames de DNA. Parte do material será encaminhado ao IML de Belo Horizonte (MG) para exames mais detalhados.

As ossadas estavam enterradas em três pontos diferentes do bairro Atalaia. A polícia acredita que se tratam de duas pessoas do sexo masculino e uma do sexo feminino, que estavam desaparecidas há meses. Segundo o delegado Márdio Bento Costa, da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida e Pessoas Desaparecidas, as vítimas teriam sido mortas em datas distintas, porém, todos os crimes estariam relacionados a disputas entre gangues atuantes nessa região.

A ação para a localização e desova dos ossos foi feita com o apoio Prefeitura e de um cão farejador do Corpo de Bombeiros. Os policiais chegaram aos locais após receberem uma denúncia.

Fonte: Rádio Mundo Melhor/Sávio Scarabelli

Artigo anteriorIpatinga prevê avançar vacinação contra covid neste final de semana
Próximo artigoBase do Samu em Paraíso começa a funcionar em agosto