Câmara autoriza vacinação prioritária para os profissionais da Educação

Autorização vale para educadores que possuem comorbidades graves; imunização prioritária abrange servidores da rede municipal de educação infantil e fundamental
Tempo de Leitura: 1 min

Em votação realizada hoje, a Câmara de Ipatinga autorizou a Prefeitura a vacinar contra o coronavírus, de maneira prioritária, os profissionais de educação da rede municipal que possuem comorbidades graves. Segundo os vereadores Ney Professor e Professora Mariene, autores da proposta, a medida se faz necessária devido a volta às aulas, que começou hoje no município e será completada em março.

O texto, que foi aprovado em primeira votação, enumerou as seguintes comorbidades: diabetes mellitus, hipertensão arterial grave, asma, anemia falciforme, câncer, obesidade grave, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, doenças cardiovasculares e indivíduos transplantados de órgãos sólidos. Após aprovação de hoje, o texto segue agora para segunda votação, que deve ocorrer nesta terça-feira, 23.