CENIBRA – CUSTOM AD3 – HOME
Tempo de Leitura: 2 min

Com o plantel que o Cruzeiro tem hoje, não tem como levar o time pra Série A, vai fazer o quê lá? Dar vexame no centenário?

Subir pra Série A somente por vaidade, porque será o centenário do clube, é não querer enxergar a realidade de um time que foi deixado de lado por pilantras.

Infelizmente, o Cruzeiro não tem futebol para jogar a Série A, mau-mau está tendo qualidade para a Série B. Subir agora, pra jogar o centenário péssimo e correr o risco de cair de novo é querer dar vexame e virar uma piada ainda maior. Eu não quero isso para o time do meu coração.

Em quase 100 anos de história, o Cruzeiro caiu no momento “certo”, é melhor jogar um centenário com dignidade e fazer bonito onde estiver, do que estar no melhor lugar e fazer feio, como muitos já fizeram. Já tivemos exemplos de grandes times e até os pequenos de BH que estavam na Série A em seus centenários, mas nada de bom fizeram, pelo contrário, só deram vexame.

Em 2008, centenário do Atlético, na obsessão de conquistar um título de grande expressão, a direção atleticana investiu exageradamente em contrações de peso…não conquistou nem o rural.

Em 2012, centenário do América, sem obsessão nenhuma, não se esforçou para conquistar nada no ano, e ainda me faz a campanha “Um Time para poucos”… tenha dó né.

Desde quando o Cruzeiro caiu, que não confiava no time e, muito menos acreditava no acesso, mas sou torcedor, tendo chance ou não de acesso, vou sempre torcer pela vitória do time.

É até difícil assistir aos jogos do Cruzeiro, ver os jogadores fazendo o primeiro gol, acharem que o jogo está ganho e não correr atrás do segundo. Errando jogadas bobas ou fazendo faltas infantis, colocando tudo a perder.

O problema do Cruzeiro em 2020, foi extra-campo e dentro de campo também, uma diretoria (a de transição) que não se preocupou em deixar o time perder 6 pontos, é de uma falta de responsabilidade sem tamanhos. E os pontos perdidos dentro de campo, por falta de empenho, é até sacanagem com o torcedor, que compra o uniforme e participa das campanhas para ajudar o time.

O que adianta ter um presidente que, teoricamente, corre atrás de soluções para o clube e para o time, ter alguns jogadores sérios, se a maioria não está nem aí?!

Entendo que muitos jogadores são jovens e que esta é a primeira vez que estão disputando uma competição que vale algo, e que a pressão é muito para quem ainda não tem experiência.

Mas esse período já passou, hoje o time está bem equilibrado com jogadores mais experientes, essa desculpa já era.

O mesmo time que mostra serviço contra um, não mostra mostra contra outro. E, voltar pra Série A com essa falta de equilíbrio, sem chances, sou mais permanecer na Série B até ter um time que saiba competir e brigar por um acesso.

É até bom que dá tempo para o clube se reerguer financeiramente, isso se nenhum dirigente quiser passar a mão né?!

O que me resta é torcer para o Cruzeiro permanecer na Série B, pois ainda não chegou na pontuação necessária pra isso.

SC,
Paulo Faustini.

Artigo anteriorCâmara de Vereadores aprova reforma do regime próprio de previdência dos servidores municipais de Fabriciano
Próximo artigoPrefeitura de Timóteo conclui obras na rua Paraíba

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.