Jovens empreendedores criam máscara fungicida e bactericida

CENIBRA – CUSTOM AD3 – HOME
Tempo de Leitura: 1 min

Uma startup formada por egressos da Universidade Estadual Paulista (Unesp) criou uma máscara fungicida e bactericida com materiais inteligentes, utilizando a nanotecnologia. O Tarde Nacional convidou Gustavo Simões, um dos fundadores da startup Nanox, para falar sobre o projeto.

Ouça no player abaixo:

A máscara é toda de polímero e, por isso não cresce bactéria e fungos. Ela é moldável aos contornos do rosto e lavável com água e sabão.

O foco inicial seria atender aos hospitais, de acordo com Gustavo.

startup consegue produzir 200 mil máscaras por mês, com custo entre R$ 20 a R$ 30 por unidade. As primeiras serão entregues na sexta-feira (15). Pelo menos 10% serão doadas para instituições de saúde.

FONTE: https://radios.ebc.com.br/

Artigo anteriorSistema Ocemg distribuirá 20 mil máscaras faciais em Minas para ajudar na prevenção da Covid-19
Próximo artigoMovimento colaborativo amplia rede de apoio contra a Covid-19 no Vale do Aço